5 clipes sobre cultura queer



A Teoria Queer surgiu nos Estados Unidos na década de 90 do século XX com intuito de questionar, problematizar, transformar, radicalizar e ativar uma minoria excluída da sociedade centralizadora e heteronormativa. Portanto, representa as minorias sexuais em sua diversidade e multiplicidade, levando em consideração todos os tipos e concepções de sexualidade e identidade de gênero.

É importante destacar, que a palavra queer, utilizada pelos teóricos, não tem uma tradução exata para a Língua Portuguesa. Portanto, a expressão queer é traduzida como estranho, talvez ridículo, raro, excêntrico, extraordinário. Retratando assim, uma situação de dúvida, questionamento, novidade, rebeldia e diversidade. 

Dessa forma, a teoria queer vem representar tudo que envolve as minorias sexuais em suas especificidades e pluralidades e colocar em prática uma cultura múltipla e especifica de grupos como os gays, as lésbicas, os bissexuais, os travestis, os transexuais, as drags. Vale ressaltar, que é a cultura de uma minoria, porém maioria em riqueza e diversidade que almeja voz, lugar, inclusão, nessa sociedade heteronormativa e centralizadora através de distorção, transgressão, estranheza e ruptura.

Fiquem com 5 clipes sobre cultura queer e arrasem!

Gustavo Dias

blogger, designer, escritor...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram